Faleceu o jornalista amarense Pedro Leitão

Natural de Bouro Santa Maria, concelho de Amares, Pedro leitão, ex jornalista de publicações como JN, Expresso, Público e fundador do Fronteira Notícias, faleceu aos 60 anos de idade.

Pedro Leitão iniciou a atividade jornalística em 1971 na delegação de Braga do diário portuense “O Primeiro de Janeiro”. Pertenceu ao “Correio do Minho” até março de 1989 e colaborou com o jornal Expresso. Chegou a ser correspondente em Braga do extinto “Notícia da Tarde” e também da Rádio Difusão Portuguesa (RDP).

Entre os de 1985 e 2003 trabalhou no Jornal de Notícias onde chegou a ser coordenador, entretanto extinta, Delegação de Braga.

Em 2004, colaborou no jornal Público, mas, em Junho desse ano, fundou o “Fronteira Notícias”, o primeiro jornal transfronteiriço minhoto-galego escrito apenas em Língua Portuguesa e em Português da Galiza, que editou e dirigiu durante sete anos.

Em Braga destacou-se pelo persistente trabalho da valorização do passado da cidade. A viver em São Vicente, freguesia histórica da cidade, publicou trabalhos que davam conta da importância histórica de São Vicente no noroeste peninsular, nomeadamente pela sua ligação à antiga diocese de Dume.

Além da atividade jornalística, Pedro Leitão destacou-se ainda por trabalhos com associações juvenis do distrito de Braga na estimulação da leitura e da escrita.

Ensino. IPCA abre Escola Superior de Hotelaria e Turismo já em no próximo ano letivo

A Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Instituto Politécnico do Cávado e Ave (IPCA) vai começar a funcionar no ano letivo 2017/2018, em instalações provisórias em Barcelos e Guimarães, informou hoje aquela academia.

Em comunicado, o IPCA refere que, no seu primeiro ano de funcionamento, aquela escola terá como oferta o mestrado em Gestão do Turismo, a licenciatura em Gestão de Atividades Turísticas e os cursos técnicos superiores profissionais (CTeSP) de Organização em Gestão de Eventos e de Turismo, Natureza e Aventura.

Estes cursos funcionarão, provisoriamente, no campus do IPCA, em Barcelos (licenciatura e mestrado), e no pólo de Guimarães do IPCA, situado no Avepark (CTeSP).

Posteriormente, e a título definitivo, a Escola Superior de Hotelaria e Turismo ficará instalada na Quinta do Costeado, Guimarães, onde irá funcionar como escola-hotel.

Como já adiantou um responsável do IPCA, será uma escola assente no modelo “aprender fazendo”.

A escola integrará um “hotel de charme”, com 10 a 20 quartos, um restaurante de serviço “à la carte”, um bar pedagógico, uma cozinha e laboratórios.

O IPCA já dispõe de três escolas superiores (Gestão, Tecnologia e Design), todas em Barcelos.

Viana do Castelo. PJ de Braga detém abusador sexual de criança

A Polícia Judiciária (PJ) de Braga anunciou hoje a detenção de um homem de 24 anos pela presumível autoria da prática de um crime de abuso sexual de criança, ocorrido em Viana do Castelo, durante dois meses.

Em comunicado, a PJ acrescenta que em causa estão “atos sexuais de relevo”, tendo o agressor aproveitado “a proximidade e a vulnerabilidade” da menor.

O detido foi presente a interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de proibição de contactos e de frequência de locais com crianças.