PCP denúncia CDOS de Braga “limitado”

O PCP criticou a falta de assistentes técnicos no CDOS de Braga, afirmando que existe “apenas um” para todo o distrito, e alertou para os atrasos no serviço que a falta daqueles trabalhadores representa.

A deputada comunista pelo distrito bracarense, Carla Cruz, explicou que lhe foi dada a garantia que o dispositivo em termos humanos e técnicos daquela entidade “está em condições” para fazer face à fase “crítica” de incêndios.

Carla Cruz salientou ainda a preocupação com o elevado número de bombeiros que emigraram “fruto das condições económicas” que o país atravessou e que levou a que no distrito de Braga haja mil operacionais na reserva, estando ao serviço 1700.

“Há um número insuficiente de assistentes técnicos, os chamados administrativos. Não tem nada a ver com a atividade operacional mas com o número de assistentes administrativos que dão apoio as outras atividades da Proteção Civil”, denunciou.

Segundo a deputada, “em Braga há um único trabalhador deste género” o que leva a “complicações” no serviço.

(Notícia completa no Semanário V, 20 de julho)

 

Barcelinhos. PR condecorou comandante José Beleza

O Comandante dos Bombeiros Voluntários de Barcelinhos, José Beleza, foi condecorado no passado fim de semana em Lisboa pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.
José Beleza foi condecorado como “Comandante do Ano” na cerimónia comemorativa do Dia Nacional do Bombeiro.
“Trata-se de um reconhecimento muito importante pelo trabalho desenvolvido não só por mim, mas sobretudo por todos os bombeiros da corporação de Barcelinhos e da direcção de José Arlindo Costa”, afirmou José Beleza, acrescentando sentir-se “grato” pela distinção.
O reconhecimento diz respeito ao desempenho do trabalho nos últimos anos, mas sobretudo no ano 2016 com a passagem para o novo quartel, a reorganização do corpo ativo e a aposta na comunicação interna e externa da instituição.

Barcelos. Incêndio na Franqueira mobiliza corporações de Esposende e Famalicão

Várias corporações dos concelhos de Barcelos, Esposende e Famalicão combatem incêndio florestal de grandes dimensões no Monte da Franqueira, concelho de Barcelos. Ao que foi possível apurar, junto de fonte no local, o incêndio começou em dois pontos distintos ao mesmo tempo.

“Tudo leva a crer que foi fogo posto”, adiantou ao V José Beleza, comandante dos Bombeiros Voluntários de Barcelinhos. No terreno estão 50 bombeiros que combatem as chamas essencialmente na freguesia de Milhazes.

“No terreno, para além de Barcelinhos, estão bombeiros de Barcelos, Fão, Esposende e Famalicenses”, disse o comandante.

O incêndio foi dado como dominado perto das 19:00 horas.